20 de julho de 2011

A que tamanho chega?


A que tamanho chega a ferida?
O corte que você fez e não voltou para soprar.
A que tamanho chega o rasgo deixado sem curativo?
Aberto.
Abandonado.
Quanto ainda cresce um buraco que já foi milimétrico?
Um pequeno traço.
A que tamanho chega uma ferida regada todos os dias?
Cultivada por alguém como se fosse flor..

[Eduardo Baszczyn]

Li no blog da Sil, Entre Aspas e achei maravilhoso. Quantas vezes nós insistimos em cultivar uma ferida, quantas vezes nós não a deixamos fechar, secar?
 
Beijos para todos

3 comentários:

Cantinho She disse...

Sensacional mesmo Isa! Adorei, refleti, lembrei e concluí que algumas são mesmo difíceis, mas é necessário deixar cicatrizar de verdade, pra sempre... ;)
Beijo, beijoooo
She

ELIANA-Coisas Boas da Vida disse...

É Isadora as vezes parece que gostamos de cultivar velhas feridas abertas!
beijo

pensandoemfamilia disse...

Oi Isa
Muitas vezessss penso que as pessoas curtem a dor e não deizam que ela sevá, cultivam-na.
bjs,