20 de janeiro de 2011

Reflexões, desabafo e decisões...

 
Meus amigos, vocês já devem ter percebido que ando bem sumida desse nosso espaço. É verdade, ando mesmo mas tudo tem um motivo.

O ano passado foi intenso e maravilhoso. Conheci muitas pessoas através desse espaço, participei de muitas iniciativas, comemorei com muitas pessoas, escrevi e postei muito. Foi um ano de transbordamento, de conseguir expressar muito do que carrego comigo, mas para conseguir dar conta de tudo o que me propus fiz alguns sacrifícios como dormir menos horas, aproveitar cada momento livre para escrever e visitar os amigos, passei muitas horas na frente dessa tela e por muitas vezes fui chamada a atenção pela pequena, pelo namorado, mas conversava aqui, argumentava ali e fui seguindo. Era necessário.

Durante as minhas férias pensei muito sobre esse espaço e em como gostaria de seguir com ele, em 2011. Às vezes as coisas fogem um pouco do nosso controle... Quando iniciei essa caminhada não imaginei que em pouco tempo tantas pessoas aportariam por aqui e claro que cada um que aporta merece acolhida generosa e genuína, mas, simplesmente é impossível acolher a todos como eu imagino que deva fazer e por isso passava horas e mais horas retribuindo as visitas, das quais me orgulho muito.

Fiz uma conta muito simples para chegar a conclusão que era preciso fazer revisão na minha rota de voo:

- Horas de trabalho: 10h (aproximadamente e incluindo o almoço - rs)
- Horas de Sono: entre 7h e 8h
- Tempo de descolamento para ir e voltar do trabalho: 1h30min
- Café da manhã, banho, me aprontar para o trabalho: 1h

Em uma conta muito rápida chego a aproximadamente: 19h30min. Bem, se o dia tem 24 horas depois dessas poucas linhas posso contar com 5h.

E se contar que preciso dar atenção a minha filha, aos seus estudo, a casa, ler e-mail, falar com alguns amigos. Essas 5h não são suficientes, mas como diz o ditado o que não tem remédio remediado está.

Tá, mas por que estou escrevendo tudo isso...Por que, a conta é simples e me faz chegar a um conclusão não menos simplória: ou escrevo ou visito e comento. A equação, claro, não fecha.
Então decidi que escreveria menos (até por que o tempo não tem me permitido viajar pelos caminhos que tanto gosto. Gosto do campo da imaginação, onde o possível e o impossível andam de mãos dadas). Não acho justo (opinião pessoal, ok?) postar, as pessoas visitarem e comentarem e eu não conseguir retribuir. Da mesma forma que fico feliz, ao abrir o blog e ver os comentários dos amigos imagino que o mesmo aconteça com os demais. Os que se propõem a escrever muitas vezes o fazem pela troca que esse espaço permite e acredito que poucos são aqueles que escrevem para si próprios. Caso contrário não seguiríamos e nem aceitaríamos seguidores.

Acreditei que ao escrever menos teria mais tempo para as visitas. Ah tá, doce engano. Vocês tem me visto por aí?

Sem dúvida, 2011 chegou e trouxe muitos desafios profissionais, além de projetos que estavam guardados nas caixinhas mais altas das minhas prateleiras emocionais (muitos são embrionários, mas que demandam tempo e esforço para deixarem o campo do imaginário e ganharem corpo e forma no campo real).

Assim é a vida...nossos sonhos e desejos só se tornam reais, se arregaçarmos as mangas e pusermos mãos a obra. Eu, particularmente, não conheço outra maneira, mas se alguém aí souber o caminho das pedras me conta, tá.

Não deixarei de postar, nem de visitar os amigos, porém essas visitas serão mais espaçadas. No meu tempo, no tempo que o meu tempo permitir, sem sacrifícios, pois este espaço não é uma obrigação, mas um prazer.

Me desculpem, o loooooongo texto, mas acho que devia essa explicação aos queridos amigos que por aqui fiz e com os quais não quero desfazer os laços criados.

36 comentários:

Bordados e Retalhos disse...

Querida Isa, como entendo esse seu dilema. As vezes também me sinto assim, num beco sem saída. Mas não se preocupe, vá levando como puder pois creio que os que te amam por aqui entenderão. Se vc não me visitar continuarei vindo aqui e me deliciando com as suas postagens. Bjs

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

agora então vc atingiu o equilíbro, já que o blog não pode ser obrigação, senão perde-se todo o prazer de blogar.
vc tá certa, adapte seu horário à medida do possível, que infelizmente nem sempre pode ser como a gente quer. pra mim nada muda, o carinho e amizade por vc será sempre o mesmo. E fico contente por ver que vc tá empenhada com seus planos, é isso aí
bjs e boa sorte

Giuliana: disse...

Isa,

Me senti escrevendo este post. Uma das minhas metas para 2011 é desvirtualizar um pouco, não deixar de participar, de postar, de visitar. Mas não sentir que virou uma obrigação, se não perde o propósito.

O que ando fazendo para amenizar é programar os posts por semana, dedico um tempo, monto a semana e pronto. Já tenho posts prontos e estruturados até semana que vem. Limitei alguns blogs para visitar, só os que realmente tenho contato, porque de repente o nosso blogroll cresce de forma estrondosa. Talvez seja até injusto, mas retribuo as visitas dos novos visitantes, mas não tem como querer visitar diariamente todos.

E assim vamos, priorizando as coisas e tentando administrar. Sumimos, voltamos, mas jamais esquecemos.

Beijos.

Lu Souza Brito disse...

Oi Isa,

Senti mesmo sua falta, srsr. Mas entendo perfeitamente. Quando a vida borbulha la fora, ainda que a gente ame este espaço e as pessoas que conhecemos através dele, não há como dispor do mesmo tempo.
Mas claro, dê um Oi sempre que puder, sim???
Beijinhos

Fátima disse...

Oh querida amiga Isadora, não se preocupe com isso. É claro que gostamos de obter retribuição mas compreende-se perfeitamente. Existe uma vida real lá fora que exige de nós atenção, é normal! Umas vezes podemos mais do que outras estar nesse espaço onde trocamos ideias mas como você bem disse: "não é uma obrigação, mas um prazer.

Bjs e tudo de bom pra você! ;)

orvalho do ceu disse...

Olá, minha querida
Todos passamos por isso... eu tenho a grande vantagem de ser professora aposentada já... porém me reciclo, me engajo em grupos diversos e,sendo assim, tenho várias atividades que me tomam todo o tempo...
Inclusive meu filho ri quando eu digo: -Oba, um feriado à vista... férias!!! (porque não estou na ativa mais)...
A verdade é que o tempo é curto para todos os que são criativos, creio eu...
Mas,como vc escreve muito bem... não conseguirá ficar sem usar a palavra...
Bjs de feriado

Lola disse...

Oi amiga!

Sei que devemos, na vida, tomar decisões difícieis, mas não se penalize, porque, como bem fala a Fernanda Reali, blog tem que ser uma coisa pra desestressar, para a diversão e não algo como obrigação né? Sentiremos saudades dos seus textos mais constantes, mas não se preocupe porque, se vc não sumir, a gente mata a saudade! rs

Bjs

Cris França disse...

olha a gente tem alguma coisa em comum...rsrsrsrsrs não tem jeito querida

é aquele lance do tostines, eu decide desencanar totalmente, não tem regra, tem que rebolar.

bjs totalmente compreensivos, solidários e irmanados à você

Vanessa disse...

Oi bonita!

Li tudinho e te entendo bem viu. As vezes também gostaria de ter mais tempo para o meu, que é novinho, masssss....enfim. Cuide-se ,que 2011 realize ainda mais sonhos tá. Beijos
Vanessa

www.vidadeumaborboletaazul.blogspot.com

Mayra Di Manno disse...

Ola Isa,
QUe bom que retornou.
O dia a dia deixa agente louca... Mas fazer essa analise é bem bacana... Escreva menos, mas não deixe de escrever.
Um beijão,

Macá disse...

Isa
Tudo o que eu podia escrever, já escreveram.
É isso mesmo. Eu também estou fazendo assim; posto menos, e tento visitar todos que deixaram comentários.
O problema é que eu gostaria de visitar todos, não quero perder nada do que anda sendo postado. Mas...... infelizmente não dá.
Eu, de minha parte, sempre que tiver um tempinho, virei aqui ver as últimas novidades, ok?
um beijo grande

ELIANA-Coisas Boas da Vida disse...

ISA VC ESTÁ CERTA Ñ É OBRIGAÇÃO É PRAZER POR ISSO TE ENTENDO!
VENHA ME VISITAR QUANDO PUDER E QUISER!
BEIJO

Lúcia Soares disse...

Isadora, sinto-me na obrigação de comentar em todos os blogs! Mesmo nãos endo visitada diariamente por todos que se colocaram como meus seguidores.
Quando a gente cria vínculos mais estreitos, é mais fácil "sumir" um pouco e nãos er cobrada. Acho que o ano passado hove um "boom" e muita gente chegou, mas há que se dar uma acalmada esse ano, senão...
Também quero me dedicar mesno, e olha que nem faço nada elaborado, mas é que visito mesmo, todo dia.
Falei que "me sinto" na obrigação, mas não considero obrigação. Só comento quando quero ou quando dá mesmo.
De todo jeito, vou ficar com você, para sempre! rsrrs
Beijo!

EDER RIBEIRO disse...

Sinta-se a vontade amiga, visite qdo puder, escreva qdo tiver inspiração. Sempre voltarei aqui para saber de ti. Bjos. Uma ano especial de conquitas.

diariodumapsi disse...

Ei Isa!
Te compreendo perfeitamente, ás vezes precisamos dar uma freada, também estou passando por isso. Tenho diminuído as postagens e as visitas, mas sinto falta de escrever.
Siga com seus planos, estamos com você!
Gd beijo

Lulú disse...

Olá Isadora.
Realmente você demorou.
Quanto a acolhida que você nos dá, é maravilhosa, mas entendemos suas necessidades pessoais e vamos nos conformar com sua presença quando for possível.

Beijos.
Maria Luiza (Lulú)

EDER RIBEIRO disse...

Amiga Isa, visita qdo puder e escreva qdo tiver inspiração, afinal, isso aqui é para a nossa diversão. Um ano de conquistas. Bjos.

welze disse...

Tem espaços que não se consegue deixar de visitar, mesmo sem receber visitas regulares da dona daquele blog, mas sabe porque? são espaço únicos, maravilhosos, que preenchem nosso dia a dia. o seu é assim.
Sem cobranças, sem obrigações, é assim que trato meu espaço, e os que visito. Blogs que me emocionam, terão sempre minha visita e meus comentários, tendo eu ou não, reciprocidade. não se preocupe, pelo menos comigo, sei que sou só uma, mas de minha parte, posso dizer que conheço as pessoas com quem me relaciono neste mundo . Sei quem deixa de fazer algo, que nos agrada por pura falta de oportunidade, e sei quem são os oportunistas que se achegam à nós para que nos tornemos seguidores, engrossando assim seu eleitorado, e depois somem. Fique tranquila. Um grande abraço e desculpe-me por tomar tanto do seu espaço e tempo.

Chica disse...

Não podemos ser escrevas dos blogues e sim estar aqui com e por prazer,né?

Decisão tomada, acolhida...beijos,tudo de bom e nos veremos semhicapre que der!c

Mônica - Sacerdotisa da Deusa disse...

Isalinda!
Entendi tudinho rs, comigo não é diferente rs, qdo dá posto alguma coisa, quando dá faço questão de deixar uns beijinhos aqui e ali, e qdo não dá...sorry!!! Acho que vc tbm percebeu que sou meio ausente né? Mas a gente deve dar o passo conforme as pernocas certo? rsrsrs.
Fico feliz por tê-la conhecido e vou continuar a conhecê-la do jeito que der. Hj já te mandei um e-mail e tal rsrsrs vou continuar te enchendo kkk. Beijinhossss e vamos seguindo.

Flores e Luz.

Nilce disse...

Sabe Isa, eu tive que fazer isso há tempos já.
Passei a postar dia sim, dia não para poder visitar meus amigos e mesmo assim haja tempo.
Temos muitas obrigações e penso em você com criança pequena e trabalhando fora. Eu nunca poderia ter o blog se ainda trabalhasse.
O blog é delicioso mas não pode ser obrigação.
Você é uma pessoa muito querida e a cada vez que postar, estaremos aqui te prestigiando.

Bjs no coração!

Nilce

Cris França disse...

Isa,

Vim hoje te dar um beijo especial e agradecer por vc fazer parte da minha historia, tem um selinho para você lá no Canto.

Cacá - José Cláudio disse...

Isadora, saiba que para mim você é e será sempre bem vinda quando puder, quiser e a qualquer tempo. Cuide-se bem e receba o meu abraço carinhoso. Paz e bem.

M. Sueli Gallacci disse...

Te entendo perfeitamente, estou no mesmo dilema. Mas quem não está?

Ainda não achei o meio termo, uma saída plausível. Blogar nos dá muito prazer e por isso mesmo, nos rouba todo o tempo possível. Eu nem me dou conta e já estou há horas de frente pro computador. Depois vem aquela culpa pelas prioridades da vida que foram postas de lado, adiadas...

É mesmo um dilema. Mas se eu achar a saída te conto, ok? rsrs

Bjos.

Renato Bueloni Ferreira disse...

O importante é que contiue a escrever, continue a dar asas à imaginação. As visitas, mesmos que silenciosas, são notadas, ainda que não perceba.

•*♥*• Sanzinha •*♥*• disse...

Assim é que se fala, Isa!

A gente precisa fazer as coisas com tempo para que elas sejam bem feitas.
Tome o tempo que precisar... e quando vc aparecer, faremos uma grande festa!

Beijo imenso e cheio de saudade!

Dama de Cinzas disse...

Para atualizar blog diariamente e visitar todos que nos visitam com regularidade, precisamos no mínimo, não trabalhar... rs...

A vida é corrida para todos, a sua falta de tempo todos nós enfrentamos.

Beijocas

Luma Rosa disse...

Isadora, todos os blogueiros que querem fazer a coisa direito, caem neste lugar comum. Tenho muita dificuldade em achar tempo para escrever tudo o que quero, comentar - haja visto que leio as postagens e comentários agregados - Quando muito visito, consigo no máximo 10 blogues diários e gostaria de ter tempo para tal. Leio mais pelo agregador porque viajo quase todos os dias, em média de 6hs de estrada e depois temos também a nossa vida doméstica. Sinceramente não dá para acompanhar o pessoal que bloga, twitta e não faz outra coisa na vida. Sei que muita gente não compreende e fica chateada por não podermos todos os dias frequentar blogues, mas... existe a vida offline, não é? Enfim, eu encontrei o meu caminho e espero que você consiga conciliar sua vida. Boa sorte! Beijus,

Teresa Cristina disse...

Oi Isa!!!! A coisa mais importante na vida é a gente ter clareza das nossas escolhas e limites. Nós por aqui já amamos vc, e o fato de ficarem mais espaçadas as postagens ou visitas em nada muda este carinho. Olha, cuide de vc, da sua filhota e dos seus projetos e sonhos, assim estaremos felizes por aqui tbm. Estou numa fase em que antigos sonhos estão florescendo este ano, então lá no meu cantinho também os posts ficarão mais espaçados. Beijo grande!!!

Johnny disse...

Olá Isadora!
Que seu ano de 2011 seja repleto de bençãos para você e toda a sua família.
Entendo seu dilema... blog antes de tudo tem de ser prazer e diversão, e quão prazeroso é conhecer e trocar ideias e impressões com pessoas como você.
Assim que puder venha buscar seu Prêmio Blog de Ouro aqui no Johnny's Pub.
Abraços,
Johnny

Cantinho She disse...

Minha Lindaaaaaaa e eterna Mosqueteiraaaaa! É isso, tudo tem que seguir ao seu ritmo e no seu tempo, e a gente tem que entender sim, podemos sentir saudades, mas compreender que vc está seguindo a sua vida, assim como nós tb devemos fazer o mesmo... Sabe nesses 3 anos que tenho blog muita coisa mudou na atmosfera da blogosfera, hoje algumas pessoas cobram muito e muitas coisas, cobram até visitas, selinhos e independente de qq coisa eu acho que esse espaço aqui tem que ser prazeroso sobretudo para os donos dos blogs... Então vamos que vamos que dá jeito e espaço pra tudo! ;)
Estou te linkando em minha festa, mas fique à vontade!
Beijo, beijo!
She

Maria Dias disse...

Oi menina...

Não sei, mas acho q vc precisa de férias de blog...Isso é normal Isa,olha, quando comecei por aqui pensei q enquanto estivesse me dando prazer eu estaria ali mas quando virasse obrigação eu ia ter q fazer escolhas...Por um tempo me sentia tao bem q achei q nunca ia cansar até q eu cansei:Uma, duas e tres...Na terceira eu pedi licença...expliquei direitinho e guadei meu blog(o Avesso...)o Ofertando(aquele q nos conhecemos)eu nao tinha a obrigaçao de visitar(eu procurei nao me obrigar a isso)...De fazer o social.Bem, guardei o Avesso por uns 4 meses e voltei agora cheia de gás entende?Pensa nisso e depois me conta!

Seja qual for a tua escolha estaremos aqui na tua volta(passe o tempo q passar!).Nao se esqueça a vida é feita de escolhas!

Beijos

Maria

Maria Dias

Tati Pastorello disse...

Oi Isa querida, acho que muitos de nós acabam tomando esta mesma decisão, é fácil compreender por que são questões de todos nós. Estar aqui é prazer, mas uma hora olhamos ao redor e percebemos que exige sacrifícios de outras partes de nossas vidas. Tenho entrado muito pouco, sinto saudades. Acho que este ano entrou com maiores demandas para todos nós, e que bom que é assim! Venha quando puder, se só der tempo para dar um alô por aqui, um texto único, no seu blog, por que não? Quem gosta de você entenderá, e matará um pouquinho da saudade. Eu jamais me ressentirei pela falta de um comentário seu, por mais que goste deles. Posso vir aqui e "te ouvir". Fique bem e sucesso!
Beijos.

Mônica Suñer disse...

Isa, amei essa parte: "além de projetos que estavam guardados nas caixinhas mais altas das minhas prateleiras emocionais (muitos são embrionários, mas que demandam tempo e esforço para deixarem o campo do imaginário e ganharem corpo e forma no campo real)". Me identifiquei totalmente, mas ainda não sou tão corajosa a ponto de pegar a escada e retirá-los lá de cima. Ficarei torcendo muuito para que eles se realizem e contribuam para que sejas uma pessoa mais realizada. Bjs muito queridos

Clau Finotti disse...

Oi Isa!

Nossa, menina, tbém estou num dilema! A dieta coletiva bombou, o povo me visita, comenta, e quem disse que tenho tempo de retribuir? Affff.... é frustrante!

Sei que estão já me achando metida, etc, etc... mas é humanamente impossível, nem que eu ficasse oito horas seguidas só em frente ao notebook.

Enfim, quando será a nova "perdição" de livros? rs

Estou querendo dar um limpa aqui!

Bjos.

Clau

Daniel Savio disse...

Vai por mim, esta conta nunca vai bater...

Hua, kkk, ha, ha, por isso que as vezes sumo e levo tanto tempo para voltar, mas quem gosta da gente entende o motivo de nosso sumiço.

Fique com Deus, menina Isadora.
Um abraço.